Maracatu Rural – No Ritmo do Baque Solto


Maracatu Rural – No Ritmo do Baque Solto

Já tem mais de um século,
Em Pernambuco nasceu
Uma manifestação cultural
Na Zona da Mata cresceu;
Com dança e música, carnaval,
Surgiu no canavial,
E assim se fortaleceu.

Rural ou de Baque Solto,
Maracatu de ritmo diferente;
Tem poesia popular,
Quem não gosta tá doente;
Folclore, cultura rural,
Patrimônio imaterial,
Zona da Mata, expoente.

A arte domina a cena:
Músicos, dançarinas e costureiras
Trabalham dia e noite
Pra superar as barreiras
Fantasias, canto e poesia,
Pro cortejo levar alegria
De todas as maneiras.

O Mestre comanda a festa;
A corte, baianas, damas do buquê;
Arreiamá, paz com a natureza,
Bombo, tarol, mineiro e congê;
Mateus e Catita pra alegrar,
A festa vai começar,
E o caboclo vai “protegê”.

Nazaré da Mata – PE, Brasil
Carnaval de 2017
©  Elias Oliveira

Compartilhe este conteúdo